Novas Regras Seguro Desemprego 2019

Novas Regras Seguro Desemprego 2019 – O Seguro Desemprego passará a ser regido por novas regras em 2019. Saiba o que muda nesse benefício do trabalhador brasileiro.

Novas Regras Seguro Desemprego 2019

As regras para o saque do seguro desemprego serão modificadas a partir de 2019. As alterações passarão a valer no mês de junho deste ano. Se antes o trabalhador tinha a liberdade para sacar o benefício, agora essa liberdade será um pouco limitada. Recentemente, o prazo para requerer o seguro também sofreu ajustes.

Publicidade

Novas Regras Seguro Desemprego 2019
As novas regras obedecem a uma resolução do Codefat, Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador. A resolução diz respeito ao canal de pagamento do benefício do seguro desemprego ao trabalhador.

Como será feito o pagamento

Hoje o seguro-desemprego pode ser sacado somente nas lotéricas ou agências da Caixa Econômica Federal. Mesmo quem não possui conta no banco.

Publicidade


O que muda a partir de junho de 2019 é que o pagamento do seguro desemprego passará a ser feito exclusivamente em conta corrente ou conta simplificada do trabalhador.

Preciso abrir uma conta na Caixa?

Com as novas regras, sim. A partir de junho, será necessário ter uma conta na Caixa para sacar o benefício. Os locais de saque, lotéricas ou agências da Caixa Econômica Federal, não mudam. O que muda é que não será mais possível sacar diretamente.

Publicidade

Quem tem direito ao seguro desemprego em 2019 receberá o crédito relativo ao benefício diretamente em conta.

Quanto é o seguro desemprego

O seguro desemprego é direito de trabalhadores demitidos sem justa causa e com carteira assinada. O beneficiário pode ser direito a receber de três a cinco meses, variando conforme o tempo. O valor de cada parcela é de acordo com a média salarial, podendo chegar a até R$ 1.677,74.

Para ter direito ao seguro desemprego é necessário que o trabalhador cumpra algumas regras. Um número mínimo de meses trabalhados com carteira assinada é um dos fatores que varia se for a primeira, segunda ou terceira vez que o benefício está sendo solicitado.

Para simplificar as consultas ao seguro desemprego, o trabalhador pode optar por baixar o aplicativo e fazer tudo pelo celular.

Publicidade